12/12/2013

"A interferência de Mick Fanning: Jogada de mestre pelo título e o respeito por John John"

Excelente trabalho do João Vasco Nunes, editor online da SURFPortugal, que podem começar a ler aqui em baixo e continuar no link que se segue!

"Mick Fanning encontra-se a dois heats de assegurar o título mundial de 2013, o terceiro da carreira. Algo que já demonstrou querer muito, após em 2011 ter tido uma das suas piores temporadas desde que integrou a elite do surf mundial em 2002. Ninguém pode negar que o australiano é uma máquina de guerra, um competidor fora de série e um estratega de primeira. Eugene voltou a mostrar esta faceta ao mudar o seu destino no Billabong Pipe Masters, com uma ação que pode deambular entre a excelência tática e a falta de fair play.

Esta é a história: Estávamos no round 4 e Fanning lutava por uma qualificação direta para os quartos-de-final da etapa havaiana, a última do World Tour. Pela frente tinha o talentoso John John Florence e Nat Young. O havaiano liderava o heat na parte final, mas a luta pelo primeiro lugar estava aberta e qualquer um dos rivais poderia lá chegar com uma nota alta. Fanno estava em segundo lugar, queria a vitória mas a sua cabeça não estava só no mar.

Prova do estratega que é, Mick desenhou todos os cenários que poderiam sair daquele heat bem antes de entrar na água. Com John John a avançar direto para o heat 2 dos quartos-de-final, o segundo posto obrigá-lo-ia a ficar com o havaiano no seu caminho, algo que ninguém deseja, ainda para mais em Pipeline. O segundo lugar colocava ainda Fanning a defrontar Julian Wilson no round 5 antes de um possível embate com JJF.

No entanto, ele sabia que o terceiro posto do heat lhe dava a possibilidade de fugir a este cenário, enfrentando CJ Hobgood no round 5 e, em caso de vitória, tendo à sua espera Yadin Nicol nos quartos-de-final. CJ lesionou-se antes de começar a prova e não se encontra a 100 por cento, enquanto Yadin é um dos substitutos do Tour, ocupando um dos lugares mais baixos do ranking."

Se gostas, continua a ler aqui.

Sem comentários: