06/06/2012

A frustração de Kolohe Andino

"13º, 25º, 13º, 25º. Em palavras, penúltimo, último, penúltimo e último. São estes os resultados no World Tour, até ao momento, do prodígio americano Kolohe Andino, 18 anos. É fácil verificar que não tem sido fácil a vida d "Brother" no seu primeiro ano no Tour. No Volcom Fiji Pro, evento do World Tour que ainda está a decorrer, foi o português Tiago Pires que o mandou mais cedo para a Califórnia, acrescentando o último 25º na sua linha de resultados.

 No final do heat entre ambos no round 2, viu-se o californiano a ter uma explosão de raiva e frustração, consigo mesmo, que se revelou em vários murros na água e na prancha, partindo mesmo esta com um pontapé. Terá sido o culminar de um burbilhar de sentimentos negativos que navegam no seu estômago adolescente, potenciados pelos sucessos dos seus colegas e amigos, também adolescentes, John John Florence e Gabriel Medina. Enquanto estes vão espantando o Mundo e aterrorizando os seus colegas de Tour, Andino não tem sido mais do que uma nota ao longo do ano e ele sabe disso."

 Continua a ler, aqui.

1 comentário:

Surfocrata disse...

Belo texto.
sinceramente esperava isso do jovem Andino. Além de Jordy, que vc lembrou, Dane tbém não foi bem logo de cara, Andy idem...
particularmente acho que Kolohe precisa crescer, ganhar musculos para poder verdadeiramente transformar suas manobras de Pro-Jr em manobras do WCT...
Abç
Ivo