02/06/2012

Antevisão do Volcom Fiji Pro

"Está a chegar o evento que marca o regresso dos melhores do Mundo ao Dream Tour, o Volcom Fiji Pro. Aliás, está tão perto que é hoje o primeiro dia do período de espera desta prova que, ao que tudo indica, vai começar imediatamente e em excelentes condições de ondas. Em plena época de ondulações fortes no Pacífico, os palcos principais do Volcom Fiji Pro - as esquerdas de Cloudbreak e Restaurants - têm funcionado em plenos nas últimas semanas e são vários os surfistas do World Tour que há muito que estão a treinar naquele paraíso exótico. Esta etapa é unicamente masculina e não se realiza desde 2008, ainda enquando Globe Fiji Pro, evento que Kelly Slater - quem mais poderia ser? - ganhou (e onde Tiago Pires brilhou). Não vale nem sequer a pena referir quão contentes a ASP e surfistas estão por voltar às Fiji mas podemos dizer o que Joel Parkinson disse em entrevista no seu website: "É um evento que dá credibilidade ao Tour". Vamos então antever o que se vai passar até dia 15 de Junho....

Spot do evento? Cloudbreak. Restaurants é a onda de backup (e talvez o melhor backup do Mundo).

O que procuram os juízes? Tubos longos e profundos tanto quanto possível; carves críticos.

Horário? Mais onze horas que em Portugal Continental (21h portuguesas, 8h em Tavarua).

Quem vai estar em prova? Os 34 surfistas do World Tour mais dois wildcards (Mitch Coleborn e Isei Tokuvu).

Quem é o campeão em título? O evento não se realiza desde 2008...mas nesse ano, o vencedor foi nada mais nada menos que Kelly Slater. Rookies? Kolohe Andino, Yadin Nicol (Gabriel Medina, Miguel Pupo, John John Florence)."

Continuem a ler aqui.

Concordam comigo? Vá lá pessoal, vamos lá opinar!

Sem comentários: