29/12/2010

Agora sim as coisas começam a complicar tecnicamente.. ASP para 2011.

A ASP revelou hoje alguma mudanças que surgiram após várias reuniões do seu comité técnico. O comunicado é intitulado "O Comité Técnico da ASP finaliza os pontos para o One World Ranking de 2011".

E é mesmo complicado de trocar por miúdos. Nem a ASP no seu comunicado oficial conseguiu explicar isto de uma forma simples (remetem o leitor interessado para um pfd com ukm esquema mais fácil de entender que o texto do comunicado), quanto mais um mero analista como eu.

Mas enfim, basicamente, é a tal mudança/actualização dos pontos de cada resultado nos vários eventos Star, Prime e World Tour que era esperada depois do "bridge year" que foi 2010. Esta actualização define um "performance gap", ou seja, um momento no evento a partir do qual são esperadas as melhores performances dos surfistas. No World Tour, o "performance gap" é do 13th para o 9th; no Prime, do 13th para o 9th; nos Stars (de 6*) é dos 7th para os 5th, ou seja, a partir dos quartos de final.

O objectivo é premiar os atletas que cheguem mais longe e permitir uma mais fácil "movimentação" e "rotação" de surfistas nos vários tours, algo que foi manifestamente difícil este ano como todos sabemos (apenas 5 surfistas qualificados, 4 deles à justa!).

3 comentários:

Pedro disse...

Alo Diogo,

Realmente parece complicado!
Pelo que percebi, a mudança mais significativa é o aumento e diminuição de pontos.

No WT o aumento só acontece do 9th para baixo. Antes o 9th dava 3750pts, agora dá 4000pts. O 13th, que não existia no inicio do ano de 2010, com o cut-off passa a existir e dá 1750pts, o mesmo que o 17th, que dava 1750pts em 2010, deixa de existir e passa a ser 25th com 500pts, os mesmos pontos que dava o 33th.
O gap ( maior distancia de pontos entre duas posições é do 9th para o 13th.

Nos Prime, só o 1th se mantem igual com 6500pts. Dai para baixo os pontos aumentam todos até ao 13th. A partir do 13th diminuem todos.
O gap é tambem do 9th para o 13th.

Nos 6*, do 1th ao 7th os pontos aumentam todos. Do 9th para baixo os pontos diminuem todos.
O gap é do 5th para o 7th, segundo a ASP, mas o 7th tambem aumentou.
Por estranho que pareca, o maior gap é do 7th para o 9th pois o 7th aumentou e o 9th diminuiu.

Ou seja, quem passar os gaps, leva mais pontos.
Os aflitos do WT têm assim a vida ameaçada mais cedo, mas ainda têm uma segunda chance se as coisas não correrem bem no WT, ao poderem correr os Prime e 6*.

NL disse...

Acho que este ano a questão esteve bastante deturpada, pois houve muitos atletas despromovidos que amealharam pontos antes do "cut off". Mas de facto, o WT ainda dava pontos suficientes aos últimos classificados para estes terem uma grande vantagem perante os Primes ou 6*.

Realço ainda que a sequência das provas pode vir a ter grande importância na carreira dos atletas. Por exemplo, um "cut off" antes ou depois de Teahupoo pode fazer toda a diferença na carreira do Saca. E os "The Search", onde irão parar?

NL disse...

Acho que este ano a questão esteve bastante deturpada, pois houve muitos atletas que amealharam pontos antes do "cut off".

Mas de facto, o WT ainda dava pontos suficientes aos últimos classificados para estes terem uma vantagem perante os Primes ou 6*.

Realço ainda que a sequência das provas pode vir a ter grande importância na carreira dos atletas. Por exemplo, um "cut off" antes ou depois de Teahupoo pode fazer toda a diferença na carreira do Saca. E os "The Search" onde irão parar?