23/10/2010

Quem é Flynn Novak?

Muito provavelmente, alguns de vocês não sabem nem querem sabe quem é este jovem surfista havaiano que acabou de ganhar o Kustom Airstrike. Não é nem de estranhar, nem de admirar. Confesso que Novak também não é um surfista que me interesse especialmente, nem mesmo com o seu "Flynnstone Flip" (uma manobra incrível mas que tem pouco a ver com surf). De qualquer forma, vim a descobrir que Novak tem uma história de vida interessante (com que me identifico em alguns momentos) e que essa história merece ser lida pois oferece uma visão quase diametralmente oposta à da realidade do surf profissional com que estamos habituados a lidar diariamente.
Como é bem sabido de todos, graças às diversas "campanhas" pró-Novak que inundaram a "surfoserfera" nos últimos meses, Novak não tem um grande patrocinador (main sponsor) e este facto dá-lhe uma liberdade de abordagem a certos assuntos que não é permitida (por diversos motivos, uns menos inocentes que outros..) a um surfista normal. Este é talvez o único verdadeiro aspecto interessante em Novak. Isto conciliado com alguns dedos de testa que o havaino de 27 anos visivelmente tem, resulta em alguns pontos de vista fortes e bem vincados que valem muito a pena ler e "desconstruir".
Assim, e porque a australiana Waves Surfing Magazine fez um bom trabalho ao pôr-lhe um gravador à frente e lhe dar liberdade total para falar, recomendo que leiam esta peça/artigo/entrevista da Waves ao Novak.
Para vos motivar a irem dar uma olhada no link (motivação que bem precisam visto que o Novak não é definitivamente um chamariz de interesse), deixo-vos aqui algumas passagens da tal peça/artigo/entrevista.

"The big companies practically run the editorial output of the magazines. If you don’t have the right sponsors, you’ll never get any coverage. And I’m the perfect example."

"The back cover and the front cover are exactly the same: they’re advertisements too along with every other page inside the magazine. I worked for a couple of magazines and I’ve seen it go down in the office first hand."

"My Flynnstone Flip is legit; it’s the first true backflip completed on a surfboard.I shouldn’t have to be the one to say it, but it’s all good. I can’t stop here, I’ve been self-promoting for years. The difference between my Flynnstone Flip and all other airs that have the word ‘flip’ in them is that mine has a ‘vertical rotation’ instead of a ‘horizontal rotation’. And for any technician, that’s a big difference."

Sem comentários: