11/04/2010

Surpresa? - 4º editorial do blog

Ainda não tinha o Rip Curl Pro Bells Beach começado quando (mais uma vez...) o Surfline.com, publicou um (fantástico e muito aconselhável) "slideshow" (de fotografias fantásticas do Sean Collins) acompanhado pela respectiva história das fotografias. Esse slideshow e história são relativos a uma "mini-surftrip" à California e Baja California que Kelly Slater e Taylor Knox fizeram durante o Inverno. Toda essa viagem é relatada pelo Capitão América (Taylor Knox) e as legendas das fotografias são, também, da sua autoria. Ora, a dada altura no "slideshow", mais precisamente na fotografia/plano 10, Taylor Knox tem a seguinte tirada: "I don't know if there's anyone better at recovery", tirada esta relativa a um manobrão e respectiva recuperação que o Kelly Slater manda/faz/aterra.
Se o Taylor Knox não acredita que haja alguém melhor que o Slater a recuperar de uma manobra, o resto da malta do WCT também não deve acreditar. Sim, a malta dos aéreos (Dane, Jordy, Dion Agius, Dusty, Mitch, etc) também tem recuperações animais. Mas em competição? Pois, a recuperar em competição, o Slater domina.
Isto para chegar a uma determinada conclusão: a recuperação do Alley-Oop (neste link só essa recuperação) do Kelly na final do Rip Curl Pro Bells Beach, não é surpresa nenhuma. E o mais engraçado, é que todos se surpreenderam. É o Kelly Slater. O Kelly Slater. Qual é a surpresa?!

Para puxar a memória das recuperações do Kelly, vejam a partir do minuto 3 deste vídeo que aqui deixo e é uma parte do filme (que recomendo) do Kelly, "Letting Go". Quem se lembra desta onda, desta nota 10,  desta bateria, da final, dos outros 10, e, sobretudo, deste campeonato? Quem assistiu?
 
P.S. Se só quiserem assistir à fantástica recuperação do Slater em Teahupoo, então vejam a primeira onda deste vídeo.

Sem comentários: